Descobrir

11720067_10206723078612857_1141392508_n

A arte de ensinar é a arte de ajudar à descoberta.

Nos anos que levo de ensino, encontro sempre a mesma conclusão em momentos de balanço: a verdadeira viagem de descoberta não consiste em encontrar constantemente novas paisagens, mas sim em ver com novos olhos.

É essa nova visão que devemos despoletar no outro, que se encontra capaz de a observar e viver.

É o deslumbramento constante por algo que até podemos já saber e viver, mas que todos os dias tem novas possibilidades.

Por isso, podemos transmitir o conhecimento, mas ele só floresce dentro de cada um quando o próprio estiver receptivo  a novas imagens e conteúdos.

É também certo que se não mantivermos a nossa semente de curiosidade, de querer sempre aprender e renovar o que já adquirimos, o conhecimento torna-se estéril. Não evolui e perde-se no tempo.

Existe uma extrema importância em mantermos o constante reavivar do que amamos e queremos passar adiante.

Ler, escrever, viajar, a arte, a cultura e o contacto com o maior número de pessoas com interesses diferentes, de áreas antagónicas à nossa.

Encontrar na diversidade a riqueza da nossa própria fortuna.

Ficar fechado dentro do seu comodismo ou do já adquirido é o caminho para nos encerrarmos sobre nós mesmos e isola-nos das cores do mundo.

Porque a maior descoberta que podemos fazer é a de que estamos a mudar todos os dias e a encontrar novas visões que, de forma transparente, se vão tornando a nossa.

Anúncios

Um pensamento sobre “Descobrir”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s